Capa  |  Memória  |  Estatuto (PDF)  |  Diretoria  |  Oficinas de sócios  |  Notícias  |  Fotos  | Sócios  |  Associe-se       

Notícias

Começa a montagem da 63ª Feira do Livro na Praça da Alfândega

AGES - Associação Gaúcha de Escritores

Evento, de 1º a 19 de novembro, terá área de 7 mil metros quadrados neste ano

A 63ª edição da Feira do Livro de Porto Alegre será realizada de 1º a 19 de novembro, na Praça da Alfândega. A montagem das estruturas metálicas já começou e deve se prolongar até a véspera da inauguração da feira. Segundo a Câmara Riograndense do Livro, mais de 20 pessoas estão trabalhando esta semana.

Em 2017, a Feira do Livro terá uma área total de 7 mil m² neste ano, sendo 5 mil m² de área coberta. Neste ano, a praça de alimentação será instalada na avenida Sepúlveda. O tradicional Teatro Carlos Urbim ficará localizado ao lado do Memorial do Rio Grande do Sul.Também nesta edição, serão montadas duas praças de autógrafos. Entre os destaques da programação está uma delegação de autores dos países nórdicos, região homenageada pelo evento. Todas as atividades têm entrada gratuita.

A 63ª Feira do Livro de Porto Alegre é uma realização da Câmara Rio-Grandense do Livro em parceria com Ministério da Cultura e Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, com apoio institucional da Prefeitura de Porto Alegre.

Patrona - A escritora Valesca de Assis foi escolhida patrona da 63ª edição da Feira do Livro. Natural de Santa Cruz do Sul, Valesca estreou como escritora em 1990, com A Valsa da Medusa. O livro Harmonia das Esferas foi vencedor do Prêmio da Associação Paulista de Críticos de Artes e Prêmio Especial do Júri da União Brasileira de Escritores, em 2000. Foi também finalista do Prêmio Livro do Ano da Associação Gaúcha de Escritores, em 2009, categoria Infanto-juvenil, por Vão Pensar que Estamos Fugindo. Um dia de gato recebeu o Prêmio AGEs Livro do ano em 2011/ Literatura Infantil e, em 2017, o romance A ponta do silêncio fez jus ao Prêmio AGEs Livro do ano, categoria Narrativa Longa e foi indicado como leitura obrigatória para o Vestibular/2018 da Unisc. Valeska de Assis é professora de História especializada em Ciências da Educação e ministrante de oficinas de escrita criativa.

Palestras - A Secretaria Municipal da Cultura programou para o período de 6 as 19 de novembro, o ciclo de palestras Cássicos da Modernidade. Os encontros estão marcados para o final da tarde, no Centro Cultural CEEE Erico Verrissimo, (rua dos Andradas, 1223).

Clássicos da Modernidade
Segunda-feira, 6
18h30 – A experiência da modernidade, por Sergius Gonzaga (UFRGS)
19h30 – A democracia americana (Toqueville), por Rodrigo Lemos (UFCSPA)
Terça-feira, 7
18h30 – Madame Bovary (Flaubert), por Altair Martins (escritor/PUC)
19h30 – A morte de Ivan Ilicht (Tolstói), por João Armando Nicotti (escritor)
Quarta-feira, 8
18h30 - Assim falou Zaratrusta (Nietzsche), por Felipe Karasec (professor)
19.30 – A dama e o cachorrinho (Tchekhov) Denise Sales (UFRGS)
Quinta-feira, 9
18h30 – Os Maias (Eça de Queirós), por Maria da Glória Bordini (UFRGS)
19h30 – O manifesto comunista (Marx), por Felipe Pimentel (historiador)
Sexta-feira, 10
18h30 – A origem das espécies (Darwin), por Luis Roberto Goldim (UFRGS)
19h30 – Poemas (Kaváfis), por Pedro Gonzaga
Sábado, 11
18h30 – A interpretação dos sonhos (Freud), por Liane Pessin (UNISINOS)
19h30 – Mrs.Dalloway (Virginia Wolf), por Ricardo Barberena (PUC)
Segunda-feira, 13
18h30 – O estrangeiro (Camus), por Lea Masina (professora)
19h30 – A cavalaria vermelha (Babel), por Luis Augusto Fischer (UFRGS)
Terça-feira, 14
18h30 – Homem invisível (Ralph Ellison), por Luiz Mauricio Azevedo (UFRGS)
19.30 – O som e a fúria (Faulkner), por Gustavo Mello Czekster (escritor)
Quarta-feira, 15
18h30 – U.S.A. (John dos Passos), por Antonio Hohlfeldt (PUC)
19h30 – Os demônios (Dostoiévski), por Eduardo Wolf (filósofo)
Quinta-feira, 16
18h30 – A era da inocencia (Edith Warton), por Sandra Maggio (UFRGS)
19h30 – A náusea (Sartre), por Nelson Boeira (UFRGS)
Sexta-feira, 17
18.30 – Lolita (Nabokov), por Lúcia Serrano (psicanalista)
19h30 – O arquipélago Gulag (Soljenítsin), por Voltaire Schilling (historiador)
Sábado, 18
18h30 – Ficções (Borges), por José Francisco Botelho (escritor e tradutor)
19h30 - O segundo sexo (Simone Beauvoir), por Maria do Carmo Campos (UFRGS)
Domingo, 19
17h – O processo (Kafka), por José H. Dacanal (escritor)
18h – As cidades invisíveis (Calvino), por Márcia Ivana Lima e Silva (UFRGS) 

 

Fonte: Prefeitura de Porto Alegre (RS)


Site elaborado pela metamorfose agência digital - sites para escritores