ROBERTO SCHMITT-PRYM

retratoRSP.jpg

Biografia

Nasceu em 1956, em Panambi, RS. Foi Destaque no Prêmio Habitasul Revelação Literária 1979 e no Prêmio Habitasul Correio do Povo Revelação Literária 1981. Estudou com Charles Kiefer e com Luiz Antonio de Assis Brasil. Participou das antologias “101 que contam” (2004) “Contos de oficina 35” (2005), “brevíssimos!” (2005),
“Sem/cem palavras” (2018) e “Outras sem/cem palavras” (2019). Publicou a tradução da obra “Giacomo Joyce” (2012), de James Joyce, e “Todos os haicais”, (2020) de Ryokan Taigu, é autor de “Contos vertiginosos” (2012), “sombra silêncio” (2018), “onde o vento aumenta a sombra” (2018) e “O sacrifício da cavalaria” (2018).
Como fotógrafo, realizou sua primeira exposição individual no Museu de Arte do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, em 1990. Desde então, realizou mais de vinte exposições individuais em museus e instituições no Brasil e no exterior, exposições coletivas, e recebeu uma dezena de prêmios em diversos países. Entre outras atuações, destacam-se os cargos de diretor da Associação Riograndense de Artes Plásticas Chico Lisboa, diretor  a Bienal do Mercosul, conselheiro da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre e diretor do Museu Julio de Castilhos.


É também o editor da editora Bestiário.

E-mail: rprym@uol.com.br

  • Facebook

LIVROS

Show More

TEXTOS E NOTÍCIAS PUBLICADOS

© 2019-2021  All Rights Reserved - Associação Gaúcha de Escritores - Porto Alegre, RS - Brasil | By Bittencourt Branding and Books